contos eroticos e fantasias dos leitores

desperte a fantasia em você

17 de janeiro de 2009

AMIGA DA MINHA MÃE

AMIGA DA MINHA MÃE

Minha mãe tem uma grande amiga chamada LUISA, e para uma mulher de 34 é um traço daqueles de tirar folgo, loira ai de 1,75m com uns seios que dão dó e um pau enorme só de olhar, pernas fartas e umas coxas gordinhas, mas aquele cu empinado saindo fora das formas, já me fez vir só de olhar, ela usa sempre roupas provocantes e poucas, é divorciada ha muitos anos, e acho que por isso bebe que se farta. Na altura eu tinha 18 e meu pai estavam emigrado na Suíça, e nas 6ª feiras de noite elas saiam juntas para jantar e beber uns canecos, e eu como éramos novo tinha que gramar a seca ate altas horas, bem numa dessas noites eram ai umas 00.30 e LUISA já estava podre de bêbada já ninguém percebia o que ela dizia e levantar já era difícil, ela estava com uma mini-saia que mais parecia um cinto, minha mãe também já tinha bebido a sua dose, mas não estava muito tocada, ela não queria que LUISA ficasse ali entregue aos lobos (qualquer homem comia aquele avião sem pensar duas vezes) então insistiu que LUISA fosse embora conosco e assim foi cambaleando e caindo ate algumas vezes, ela mora pertinho de nos e quando estávamos chegando a nos casa minha mãe tentou insistir para que ela ficasse La em casa, mas ela disse logo que não que ia para casa dela, minha mãe concordou, mas disse para eu ir com ela ate casa para ver se ela não se apagava pelo caminho, e eu lá fui ela ainda caiu mais uma vez antes de lá chegar, eu às vezes ficava para trás a ver aquele cu descomposto e fiquei ate de pau duro quando para ajudá-la a levantar da queda lhe pus a mão nas coxas, enfim chegamos ate sua porta ela conseguiu tirar a chave da bolsa, mas não conseguia ver a fechadura eu peguei e abri para ela, entramos e ela foi de Imediato ao bar, e bebeu um copo de uísque e estava a desmaiar, ate que eu disse:
- posso ajudar em alguma coisa?
Ela nem respondeu, estava completamente bêbada e nem conseguia andar direito, passado um tempo encostada ao bar disse-me para eu a ajudar a ir para o quarto, lembro como ela era pesada, ela apoiada em mim, e como eu era bem mais baixo na altura ela debruçava em mim e meu tesão voltou quando o pela sua blusa e vejo aqueles seios enormes no sutiã, meu pau latejou de tesão, chegamos ao quarto e ela caiu na cama, se ajeitou um pouco assim vestida e tudo, eu disse que ia embora e ela nem respondeu mais acho que apagou mesmo. Estava mesmo a sair quando vi a chave e em vez de sair fechei à porta a chave por dentro, fui de novo ter com ela ao quarto, ela estava apagada, mas aquela visão me deixou louco ela na cama com a mini-saia se via as cochas carnudas e um pouco de sua CALCINHA, meu pau começou a latejar, aquele tesão estava a levar-me a loucura, aproximei-me e deu uns tapas na cara para ver se estava acordada, nada estava como morta (cheguei mesmo a ver o pulso) deu uns tapas, mas agora com muita força, como vi que ela não ia acordar tirei o meu cacete para fora e comecei a punhetar deliciando-me com aquela vista maravilhosa, mas o tesão era tão grade que comecei a passar as mãos nas cochas dela, passados 5 minutos eu estava sem calças e peguei na mão dela e pus no meio penis, segurando a mão comecei a me punhetar com a mão dela, estava a entrar em loucura com aquilo, resolvi dar-lhe umas bofetadas com força para ver o estado dela, ela não acordo, puxei a mini-saia para cima e tirei a calcinha, mal olho para aquela vagina rapadinha! Solto jatos de porra enormes que orgasmo maravilhoso e o mais incrível era o meu pau ainda a latejar uma xota daquelas ali na minha frente, e o meu tesão parecia cada vez maior, e a loucura tomou conta de mim, ela deitada de barriga para cima tirei a saia e desabotoei a camisa, só a visão daqueles seios dentro do sutiã já fazia o meu penis anuncia mais esporra, com cuidado tirei o sutiã e vim para o fundo da cama ver aquela puta de mulher completamente nua mal segurei o pau e esporrou tudo e com estava de frente para ela melei nas penas e um jato acertou mesmo na racha dela, fui ao delírio com aquele orgasmo. O tesão passou um pouco e eu comecei a preparar para ir embora, mas o pau estava mais duro de que nunca só de olhar para a buceta, que chamava meu pau, que latejava tanto que ate doía não me fiz de rogado, comecei a massagear a vagina dela, e com era carnuda e macia, não agüentava muito mais, fui de cara à vagina e comecei a lamber e a chupar como um louco e só aquilo já estava quase a me fazer esporrar, enquanto besuntava aquela xota todas minhas mãos apalpavam aqueles seios fartos, não agüentei mais peguei no pau e meti naquela vagina já lubrificada da minha saliva, meti a cabeça no buraco e fiquei ali um pouco para ver se ela reagia, como não reagia resolvi continua, meti o meu penis ate as bolas, ate não dar mais, e comecei a fazer movimentos, eu estava tonto de tanto tesão, completamente descontrolado, comecei a bombear aquela vagina e a segurar aqueles peito que eu só sonhava em chupar, tive o meu maior orgasmo ate então me vim La dentro e tirei a pica para ver a esporra a sair daquela vagina já um pouco arregaçada, peguei em meu caralho e comecei a passar cabeça nos seus seios, Elsa estava mesmo mais para La do que para cá, quando eu ia levar a minha pica para tocar a boca dela, meu celular começou a tocar corri ao bolso das calças com o medo que ela acordasse ou reagisse ao toque, mas ela ficou imóvel na mesma, era minha mãe no celular a perguntar se eu ainda me demorava disse que estava só a ver se Luisa se ia deitar para me ir embora, minha mãe disse que era estranho que norma mente ela chegava deitava na cama e apagava logo, e só acordava na tarde do dia seguinte, eu disse que daqui a pouco estava em casa. Mas meu pau duro dizia outra coisa, eu queria ver aquele cu descoberto a virei de costas e coloque na beirada da cama para me dar uma melhor visão do enorme e empinado cu que ela tinha, não agüentei e fui direito a xoxota desta vez por trás, cheguei a pensar em fuder aquele cu, que ia ser o meu primeiro, mas o medo foi maios, a xoxota foi o escolhido e por trás era bem melhor que pela frente ver aquele cuzinho to a abanar, aquele vai e vem todo me punha louco eu segurava suas nadegas e bombava como um louco, esporrei em cima de seu cu e ainda dei umas chupade-las na vagina arregaçada.
Procurei o seu pijama e com todo o cuidado vesti-lhe a parte de cima, pois eu queria ainda mais qualquer coisa, nem que fosse só olhar, deitei-a na cama arrumei o quarto e resolvi colocar o ela de lado e penetrá-la de lado, mas a visão do seu cu era o bastante para eu me poetar quando estava quase a me vir coloquei a cabeça junto ao seu cu e me vim nas bordas melando aquelas nadegas e vendo a esporra escorrer ate a xoxota escancarada, a vesti e cobri, e fui embora satisfeito e cheio de remorsos.
No dia seguinte ela me viu e deu um sorriso muito maroto que eu estranhei imenso, mas nunca falou sobre isso, ainda hoje eu tenho muitas duvidas se ela estava a dormir……….. E com isto só de lembrar já estou cheio de tesão

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    18:12 — Arquivado em: sexo

PROFESSOR DE NATAÇÃO

OLÁ, GALERA VOU CONTAR PARA VOCÊS UM FATO QUE OCORREU REALMENTE, DEIXA EU ME APRESENTAR, SOU A SOLANGE, 32 ANOS, MORENA, 1,74 CM DE ALTURA, CASADA MÃE    DO RENATO seis ANOS, DEVIDO A PROBLEMAS DE SAUDE DO MEU FILHO, FOI RECEITADO A ELE AULAS DE NATAÇÃO, COMO UMA BOA MÃE, PROCUREI UM CLUBE PARA ELE INICIAR       AS AULAS, JÁ NO PRIMEIRO DIA DE AULA NOTEI QUE TINHA MUITAS MÃES, JUNTAS COM SEUS FILHOS ASSISTINDO A AULA, SEM SABER POR QUE, ATÉ O MOMENTO QUE CONHECI O PROFESSOR, MARCÃO, ERA O NOME DELE, UM MORENO ALTO TIPO NADADOR PROFISSIONAL MESMO OMBROS LARGOS, CABEÇA RASPADA E OLHOS VERDES LINDOS. FIQUEI MOLHADA SÓ DE OLHAR A SUNGA DELE COM QUELE VOLUME IMENSO AO SAIR DA AGUA.

OS DIAS FORAM PASSANDO E NÃO PERDIA UM DIA MESMO QUANDO MEU FILHO FAZIA CORPO MOLE, COMECEI A USAR ROUPAS MAIS OUSADAS PARA REALÇAR MINHAS CURVAS, SEMPRE DEU CERTA ESTA TATICA, PRINCILAPAMENTE COM AMIGOS DO MEU MARIDO E MARIDO DE AMIGAS, TEVE UM DIA DE SEXTA FEIRA, QUE ELE MANDOU UM RECADINHO PELO MEU FILHO QUERIA FALAR COMIGO ANTES DA AULA, NA SEGUNDA FEIRA, CHEGUEI BEM MAIS CEDO, QUE TODO MUNDO, ENQUANTO MEU FILHO FICOU BRINCANDO NA QUADRA DE FUTEBOL, ENTREI NA SALA COM MARCÃO, NESTE DIA ESTAVA DE MINISSAIA JEANS E TAMANCO BRANCO FOI PARA MATAR OU MORRER, E NÃO DEU OUTRA, MAL ENTREI ELE JÁ FOI ME AGARRANDO E BEIJANDO, MINHA SAIA JÁ TINHA SUBIDO TODA, E ELE ME ENCOXANDO SEM DÓ, COLOCOU O PAU PARA FORA UMA BAITA FERRAMENTA, FUI LOGO SEGURANDO, MAL CABIA NA MINHA MÃO, DEI UMA CHUPADA QUE ELE CHEGOU A GOZAR NA MINHA BOCA, DERREPENTE OUSO MEU FILHO ME CHAMANDO E BATE NA PORTA NOS ARRUMAMMOS DO JEITO QUE DEU ELE ENTROU E ATRAPALHOU TODO O CLIMA, JÁ ESTAVA CHEGANDO ALUNOS E AS MÃES, ELE ANOTOU UM TELEFONE E FICAMOS DE MARCAR UM MOTELZINHO, QUANDO SAIR DA SALA DELE TINHA QUE VER AS CARAS DA MULHERADA FICOU FOFOCANDO A AULA INTEIRA E ME OLHANDO ATRAVESSADA.

BEIJOS DEPOIS CONTO O RESTO

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    18:10 — Arquivado em: sexo

COMO COMI UMA VIRGEM

VOCÊS PODEM ATÉ NÃO ACREDITAR MAIS ISS É VERIDICO, SOU O JORGE TENHO 1,68 70 KILOS CABELOS CASTANHOS E OLHOS ESVERDEADOS. ISSO ACONTECEU Há UNS 10 ANOS, MINHA MAE SEMPRE TEVE UM CORAÇÃO BOM E AJUDA TODO MUNDO, CERTO DIA CHEGOU UMA AMIGA DE MINHA MAE E PERGUNTOU SE ELA NÃO ESTAVA PRECISANDO DE UMA PESSOA PARA AJUDA NAS TAREFAS DOMESTICAS, ELA NEM PENSOU MUITO E DISSE QUE SIM ENTAO ESSA SENHORA OFERECEU SUA FILHA, O NOME DELA É ADRIANA UMAMORENINHA NÃO MUITO LINDA DE ROSTO, MAS UM CORPO LINDO ELA TINHA UNS PEITINHOS LINDOS, UMAS PERNAS BEM FEITAS E UMA BUNDA SENSACIONAL, EU SABIA QUE ELA ERA VIRGEM, POIS EU A CONHECIA DESDE CRIANÇA POISMORAVAMOS NO MESMO BAIRRO POR SINAL BEM PEQUENO. A MAE DELA TEVE QUE SE MUDAR PARA OUTRO MUNI CIPIO E ENTÃO ELA PASSOU A MORAR EM CASA. ERA MUITO OBEDIENTE, SEMPRE FAZIA O QUE NOS PEDIAMOS COM MUITO CARINHO, MAS QUANDO ELA PASSOU A MORAR EM CASA EU COMECEI A REPARAR MELHOR NELA, EU IA MUITO PARA BOATES E SEMPRE CHEGAVA EM CASA DE MADRUGADA, EM UMA DESSAS MADRUGADAS ENCONTREI ELA SÓ DE CALCINHA, NOSSA FUI A LOUCURA E CONVERSEI UM POUCO COM ELA COISAS BANAIS SÓ PARA PODER FICAR OLHANDO AQUELA MARAVILHA.

NAQUELA NOITE NÃO RESISITIR E BATI UMA PUNHETA PENSANDO NELA. A PARTIR DAQUELE DIA COMECEI A TRATA- LA DIFERENTE TRAZENDO CHOCOLATES ATE QUE UM DIA TIVE CORAGEM E PEGUEI-A POR TRAS DE SURPREZA MEU PAU ENDURECEU NA HORA, MAS ELA PEDIU PARA SAIR, POIS ALGUEM PODIA CHEGAR. ENTAO AQUELA CENA E SUAS PALAVRAS NÃO SAIRAM DA MINHA CABEÇA, QUANDO FOI DE MADRUGADA, EU AINDA ESTAVA ACORDADO, POIS ESTAVA ASSISTINDO UM FILME PORNO, OUVI PASSOS NO CORREDOR QUE LEVAVA AO BANHEIRO, SAI COMO QUEM FOSSE BEBER AGUA E PARA MINHA ALEGRIA ERA ADRIANA DE NOVO APENAS DE CALCINHA QUANDO FUI VOLTANDO AO MEU QUARTO NOS CRUZAMOS NO CORREDOR E FOI AI QUE EU ATAQUEI ABRACEI ELA E PUXEI PARA MEU QUARTO E DEITEI NA MINHA CAMA E COMECEI BEIJA LA COM UM TESÃO FORA DO NORMAL E FUI TIRANDO SUA BLUSINHA QUENDO EU VI QUELES SEIOS CAI DE BOA CHUPANDO COMO UM BEBE DE COLO QUE DELICIA AI FUI DESCENDO COM A BOCA BEIJANDO A BARRIQUINHA, SEU UMBIGO E POR CIMA DA CALCINHA CHEGUEI A SUA BUCETINHA, ELA TENTOU TIRAR MAIS NÃO TEVE JEITO ELA NESSE MOMENTO SO GEMIA DE TANTO PRAZER NOSSOS TREMIAM MUITO POR PRAZER POR MEDO, MAS TAVA MUITO BOA AI COMECEI A TIRAR SUA CALCINHA ELA FICOU PELADINHA E PUDE VER SUA BUCETINHA COM SEUS PELINHOS FAZENDO CAMINHO.

ENTÃO COMECEI A CHUPAR SUA BUCETA PASSANDO A MAO NA SUA BUNDINHA ATE QUE ELA GOZOU ENTAO PEDI PRA ELA PAGAR UMA CHUPETINHA BEM QUE ELA TENTOU MAIS NÃO FOI MUITO BOM, POIS ELA ERA INESPERIENTE ENTÃO ABRI SUAS PERNAS E COMECEI A PINCELAR A SUA BUCETA NÃO AGUENTANDO MAIS DE TANTA VONTADE COMECEI A METER FORTE NAQUELA XANINHA APERTADA ATÉ QUE EU GOZEI COMO NUNCA QUE TESÃO, NOS DESFALECEMOS COM NOSSOS CORPOS DEPOIS DE UNS 15 MINUTOS ELA VOLTOU AO SEU QUARTO, MAIS ELA VICIOU TODOS OS DIAS EM IR AO BANHEIRO DE MADRUGADA E ENTRAR NO MEU QUARTO.

ENVIADA EM 19/12/08 (envie para jc76santos@terra.com.br/ajcsgata@hotmail.com )

criado por jc76santos    17:52 — Arquivado em: sexo

13 de janeiro de 2009

VIZINHO NEGRÃO

Bom deixa eu me apresentar, me meu nome é Paula e tenho 30 anos, casada sou bem branquinha, olhos verdes, corpo cheio e bunda arrebitadinha, na cama meu marido tem um pau de 13 cm, esta sempre inventando alguma coisa para me satisfazer, o sonho dele é gozar na minha boca mais nunca deixei, perdi minha virgindade com ele, e nunca o trair. Nós mudamos para uma cidade do interior do Paraná e fomos morar em um condomínio de prédios, foi quando tudo começou, percebi que meu vizinho vivia na janela e não tirava os olhos de mim, um homem muito forte e com cara de tarado, que só de me olhar ficava sem graça, comecei a dar bola para ele, e ele mandava beijos para mim, devido meu marido sempre esta ausente, devido ao emprego dele, às vezes passava semanas sozinha em casa, certa vez fui ao supermercado e quando estava estacionando meu carro outro carro parou do meu lado e quando olhei era meu vizinho, ele saiu do carro dele e entrou no meu, começamos a nos beijar, de imediato levantei meu vestido e puxei minha calcinha de lado para mostrar que estava toda depilada, ele passou a mão na minha bucetinha e viu que estava molhadinha, me deixou louca abrir o zíper da calça dele, coloquei um pau enorme e preto para fora e sentei no colo dele, o pau dele batia na altura do meu umbigo, estava com medo de alguém nos ver, segurava o pau dele sem poder fechar a mão, quando resolvemos ir para o carro dele que tem vidros escuros, entramos ele ligou o ar e manteve os vidros fechados. Eu estava ao seu lado com as pernas abertas, ele me puxou com força foi direto na minha boca e me beijou, suas mãos levantavam meu vestido, ele me chamava de gosto, de safada e eu segurando o pau dele, comecei a chupar, parecia que estava tomando um sorvete. passamos para o banco de trás, fiquei toda aberta, ele faltou o banco deixando mais espaço para nós, fiquei de costas para ele com aquele pau enorme e de cabeça roxa, senti ele roçando na minha buceta e abrindo caminho e falando sacanagens no meu ouvido, quando percebi já sentia o saco dele batendo na minha bunda. Só pedir para ele não gozar dentro e o resto podia mandar ver, bombava que parecia querer colocar as bolas para dentro de mim, ele estava perto de gozar tirou tudo para fora, colocou na entrada do meu cuzinho, forçou e entrou gemia alto, começou a bombear o sentiaele gozando dentro, descansamos, entrei no meu carro e fui para casa, esperei meu marido chegar, a noite ele percebeu que minha xana estava mais aberta, desconversei e falei que foi um negão, brincando ele não acreditou e gozou como louco.

 

05/01/2009

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    22:22 — Arquivado em: sexo

VISITA INTIMA

TUDO COMEÇOU QUANDO MEU NOIVO FOI ESTUDAR EM MINAS GERAIS, ESTAVAMOS NAMORANDO Há cinco ANOS E MORAVAMOS EM SP, COMO EU JÁ AHAVA TERMINADO A MINHA FACULDADE E ESTAVA DESEMPREGADA, RESOVIR IR JUNTO COM ELE, ELE ESTAVA COM 26 ANOS E EU COM 22 ANOS, NÃO TRABALHAVA, MEUNOIVO É BEM CLARO 1,74, UM POUCO CALVO E EU LOIRA 1,70 DE ALTURA, MINHA PELE É BEM CLARINHA, NOS PRIMEIROS DIAS ELE TEVE UM CRISE DE CIUMES, POIS NINGUEM ME RESPEITAVA, TODOS OLHAVAM MINHA BUNDA, ESTA COISA NÃO ACONTECIA EM SP, POR QUE TODO MUNDO O RESPEITAVA, MAIS SEMPRE ACABAVAMOS NA CAMA, SEMPRE FUI RECATADA, NUNCA FUI DE PRIMEIRA PARA CAMA COM NINGUEM, NUNCA TINHA TRAIDO ELE, E ESTAVAMOS DE CASAMENTO MARDADO, FOMOS MORAR EM UM APTO HUMILDE, NÃO TINHAMOS CARRO, ANDAVAMOS DE ONIBUS, NÃO TINHAMOS FEITO AMIZADES NENHUMA AINDA, ATÉ QUE UM DIA CONHECI LEILA NO ELEVADOR, ESTAVA CHEIA DE SACOLAS E ME OFERECI PARA AJUDAR-LA E FUI ATÉ A PORTA DO SEU APTO, DOIS ANDARES ACIMA DO MEU, ME CONVIDOU PARA ENTRAR, TOMEI UMA AGUA, CONVERSAMOS E VIRAMOS AMIGAS, LEILA ERA UMA MULATA, BONITA 1,80 DE ALTURA, DISSE QUE TRABALHAVA A NOITE, NÃO PERGUNTEI ONDE, DISSE QUE O MARIDO ESTAVA PRESO Há oito MESES, ELA PERCEBEU MINHA CARA DE ESPANTO, MAIS ME ACALMOU DIZENDO QUE ELE ERA UM BOM HOMEM, QUE FOI INJUSTIÇADO.

COMEÇAMOS A SAIR JUNTAS PARA FAZER COMPRAS, E ATÉ MESMO IR PARA PRAIA JUNTAS BRINCAVAMOS COM OS CARAS NA PRAIA, MAIS NUNCA DEIXEI ELES SE APROXIMAR, NO MEU CASO EU COLOCAVA O SEXO EM DIA COM MEU NOIVO E COMO ELA FAZIA NÃO SEI, RESOLVIR PERGUNTAR, ELA ME FALOU QUE FAZIA VISITAS A ELE E TRANSAVAM NA CELA, FIQUEI CURIOSA E ELA ME CONTOU OS DETALHES E FIQUEI SURPRESA E NÃO ACREDITAVA QUE ACONTECIA TUDO AQUILO NA PRISÃO, ELA ME FALOU QUE QUALQUER DIA ME LEVAVA, FALEI MEU NOIVO ME MATA.

A NOITE FIQUEI IMAGINANDO COMO SERIA UMA NOIVA, LOURINHA TODA DELICADA NA MÃO DE UM DETENTO. NUMA QUINTA FEIRA LEILA VEIO NO MEU APTO E ME CHAMOU PARA IR COM ELA, FALEI COM ELA QUE NÃO IRIA , EL INSISTIU, DIZENDO QUE O MARIDO DELA TINHA AMIGOS QUE NÃO RECEBIAM VISITAS E EU PODERIA APENAS CONVERSAR COM ELES.

FIQUEI PENSANDO E RESOLVI QUE IRIA, TOMEI UM BANHO, COLOQUEI UM VESTIDINHO UMA TANGUINHA, BEM ENFIADINHA, SÓ USO ASSIM E CORRI PARA O APTO DA LEILA, A PEGUEI JÁ SAINDO.

CHEGAMOS AS GUARDAS PEDIRAM MEU RG NA ENTRADA E MANDARAM-MEEU ENTRAR NUM QUARTO DE REVISTA E ME MANDARAM LEVANTAR O VESTIDO E SEGURAR, PARA ELAS ME REVISTAREM, UMA DAS GUARDAS COMENTOU, QUEM ME COMERIA LÁ DENTRO, MINHA MAIGA DEU UMA RISADINHA E SÓ FALOU QUE SÓ ESTAVA DE VISITA, ENTRAMOS E FOMOS PARA UMA CELA, ONDE TINHA UM CARA SEM CAMISA E BERMUDA ERA O MARIDO DA LEILA, ME COMEU COM OS OLHOS QUE GELEI NA HORA, NO SLEVOU PARA UM CANTO E CHAMOU UM AMIGO, UM CARA NEGRO DE 40 ANOS, UMA TATUAGEM NO BRAÇO E UMA CICATRIZ, FICAMOS CONVERSANDO E LEILA SAIU COM SEU MARIDO, FIQUEI SOZINHA COM O NEGRÃO, ELE NÃO TIRAVA OS OLHOS DAS MINHAS COXAS, FALAVA QUE EU ERA LINDA, E MUITO GOSTOSA, TENTEI CORTAR O CLIMA FALANDO QUE EU ERA NOIVA E ESTAVA DE CASAMENTO MARCADO, ELE NÃO ESTAVA NEM AI, PASSOU A MÃO NAS MINHAS COXAS, TENTEI PUXAR A PERNA MAIS ELE ERA MUITO FORTE, ME PUXOU PELO BRAÇO E CAIR SENTADA NO COLO DELE, APERTOU MEUS PEITOS QUE ACUSARAM TE GOSTADO, POIS FICARAM COM OS BICOS DURO, COLOCOU UM DENDO NA MINHA BUCETA E VIU QUE ESTAVA MOLHADA, COLOCOU O DEDO NA BOCA E DEU UMA RISADINHA, EU NÃO PODERIA FALAR MAIS NAD, ME LEVOU PARA UM QUARTINHO ONDE TINHA UM COLCHÃO NO CHÃO, PUXOU AS ALÇAS DO MEU VESTIDO E ELE CAIU NO CHÃO, FIQUEI SÓ DE CALCINHA, MORDEU MEUS SEIOS E ME ENCOXOU, TIRANDO OS MEUS PÉS DO CHÃO APERTAVA MINHA BUNDA, ME COLOCOU DEITADA NO COLCHÃO E PUXOU MINHA CALCINHA COM VIOLENCIA, COLOCOU O PAU NO MEIO DOS MEUS PEITOS, FAZIA UMA ESPANHOLA, DERREPENTE ELE COLOCOU MINHAS PERNAS NO OMBRO DELE, VI QUE ELE NÃO IRIA COLOAR CAMISINHA, TENTEI FUGIR MAIS NÃO DAVA O SENTIELE RASGANDO MINHAS PREGAS, SOMENTE AI EU ENTENDI, POR QUE ALGUNS NÃO RECEBEM VISITAS O CARA ERA UM TARADO, JÁ TINHA GOZADO COM ELE, QUANDO SENTI  GOZANDO DENTRO DE MIM E AINDA TIROU O PAU DURO ME PEGOU PELOS CABELOS E FEZ EU LIMPAR O PAU DELE,E MANDOU EU FICAR DE BRUÇOS NO COLCHÃO, FIQUEI E ELE ME DEU UMA PENETRADA FORTE NA MINHA BUCETA QUE GOZEI DE NOVO, AI ELE TIROU E FORÇOU NO MEU CU, TENTEI ESCAPAR, MAIS NA POSIÇÃO QUE EU ESTAVA QUANTO MAIS FORÇA EU FAZIA MAIS ELE ENTRAVA, RESOLVI RELAXAR E DEIXAR ELE ME COMER, MORDIA OS LABIOS PARA AGUENTAR A DOR, QUANDO ELE GOZOU LEVANTEI A CABEÇA, LEILA E O MARIDO DELA ESTAVA ME OLHANDO, FIQUEI SEM GRAÇA COLOQUEI MEU VESTIDO, PEGUEI MINHA CALCINHA, MAIS ELE TOMOU QUERIA QUE FICASSE DE LEMBRAÇA, ME DEU UM RROLO DE PAPEL, PARA ME LIMPAR, FOMOS EMBORA, MEUNOIVO NUNCA SOUBE, MAIS VOLTEI três VEZES AINDA.

04/01/2009

 

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    22:14 — Arquivado em: sexo

O AMIGO DE IGREJA DA MINHA ESPOSA

Era sexta feira e havia na igreja de minha mulher um congresso em que se reunia pessoa de diversos lugares era noite quando minha mulher me telefona perguntando se poderíamos hospedar um missionário que estava na igreja como só estávamos nós e ela em casa pôs minha filha estava viajando eu disse que não havia problema. Embora eu estivesse esperando um velho chato com assunto de igreja, estranhei quando ela chegou com um homem mulato de uns 40 anos com porte de atleta e muito simpático, minha mulher apesar de ser meio moralista vestia um vestido comprido, mas que quando ficava contra a luz mostrava o contorno do seu corpo que botava muitas moças no bolso estando eu e marcos (o missionário) no sofá quando minha mulher levantou e se dirigia à cozinha notei que marcos depistadamente deu uma olhada nela, pois ela estava contra a luz do corredor como se estivesse usando roupa transparente. Após minha mulher nos servi ficamos conversando marcos mostrou ser um cara conhecedor de diversos assuntos e um cara de mente aberta depois foi assistir televisão ficando eu num canto marcos no outro e minha mulher no meio embora o filme não fosse de sexo apareceu uma cena onde o homem transava com a mulher na cozinha e depois enrabava ela no sofá marcos assistia como se nada tivesse acontecendo, mas eu notei que minha mulher ficou excitada com a cena quando deu o intervalo minha mulher disse que arrumaria os quartos depois dormiria eu e marcos ficou conversando e marcos perguntou, se ela não havia ficado zangada por causa do filme eu disse que não, pois ela já estava acostumada a assistir filme de sexo como já estávamos íntimos conversou sobre traição eu disse que eu não importava se ela transasse com outro embora eu achasse isto difícil, pois ela era muito certinha então marcos começou a dizer que eu era maluco, pois ela era muito gostosa e não faltaria homem que a desejasse então Ele sugeriu que parássemos, pois ela poderia voltar e nos pegar conversando sobre ela eu disse que não tinha problema, pois depois que ela dormia não acordava de jeito nenhum que eu acostumava a comê-la mesmo dormindo então marcos perguntou se poderia tomar um banho antes de dormir eu disse que sim e que eu iria ver se estava tudo certo. Quando fui ao quarto verifiquei que minha mulher já estava dormindo debruço coberta somente com um lençol fino transparente que deixava ver todo seu corpo e a mini calcinha de lacinho enfiada na bunda, eu voltei e falei pro marcos tomar banho no meu banheiro, pois o registro do banheiro social estava com defeito quando ele entrou no quarto e viu minha mulher daquele jeito ele disse e se ela acordar eu disse que não acordaria e se fizesse não haveria problema. Quando ele saiu do banho enrolado na toalha dava para ver o volume do seu pau que estava duro então ele disse, você é maluco em a deixarela transar com outro, pois ela é muito gostosa, então eu perguntei se ele teria coragem de transar com ela então ele disse que sim, eu perguntei que tal hoje, ele estranhou e perguntou, mas você não disse que ela é muito certa, eu disse mais ela não precisa saber então eu combinei que como ela não acordava ele entraria no quarto e transaria ela dormindo. Então fizemos como combinado eu deitei ao lado dela soltei os laços da calcinha abaixei a mesma e comecei a alisar aquela bunda gostosa quando enfiei o dedo na xana dela notei que estava toda molhada de tesão imaginei que deveria ser por causa da cena do filme ou ela já estava sonhando com a transa levantei devagar e fui ao quarto de marcos para dizer que ele entraria logo após eu, quando entro no quarto marcos já estava de pau duro na hora senti vontade de voltar atrás, pois o pau de marcos era maior e mais grosso que o meu e minha mulher na certa acordaria com aquela coisa entrando nela mais continuei com meu plano com as luzes toda apagada marcos ficou deitado ao lado da cama enquanto eu confirmava se ela continuava dormindo e se não acordaria sua boceta estava mais molhada ainda por certo estaria sonhando peguei a mão de marcos e coloquei na bunda dela agora era ele que alisava e enfiava o dedo naquela gruta gostosa como ela não acordou eu levantei devagar dando lugar ao marcos Que começou a beijá-la nas costas foi descendo ate atingir a bundinnha dela, ele abriu as pernas dela um pouco de lado ajeitou um pouco sua bocetinha colocou o pinto na gruta e foi enfiando devagar, minha mulher deu uma mexidinha. Ele aproveitou e enfiou mais um pouco ele já estava com a metade do pau dele dentro dela quando ela começou a rebolar e gemer de prazer ele foi enfiando tudo então começou a bombear minha mulher gemia e forçava o corpo para trás querendo mais marcos segura ela pelo ombro e mete com toda força ate sentir que ela estava gozando então ele segura ela e gozam juntos depois marcos tira aquele pau daquela boceta e sai devagarzinho enquanto eu deito na cama ao lado dela.Passado algum minuto que marcos tinha saído ela vira para mim me da um beijo no rosto e fala: foi muito gostoso meu amor, e saiu para tomar um banho; eu embora com um tesão enorme evitei comê-la, pois ela poderia notar a diferença do tamanho do meu pau, pois o de marcos era muito maior.

05/01/09

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail

criado por jc76santos    22:08 — Arquivado em: sexo

O NOVO AMIGO DO MEU MARIDO

COMO O BLOG É NOVO, RESOLVI DAR UMA CONTRIBUIÇÃO COM MEU CONTO. ESPERO QUE GOSTEM, DEIXA EU ME APRESENTAR MEU NOME É JULIANA, SOU CASADA TENHO 30 ANOS E MEU MARIDO 35 ANOS. NA ULTIMA COPA DO MUNDO, MEUMARIDO COMPROU UM TV DE LCD PARA ASSISTIR OS JOGOS, RESOLVEU TRAZER O ROGERIO, O SEU MELHOR AMIGO NO TRABALHO, O ROGERIO É O MOTOBOY DA EMPRESA, TEM 23 ANOS, UM CARINHA MEIO FEIO NÃO CHAMA MUITA ATENÇÃO DA MULHERADA, POIS BEM NO PRIMEIRO JOGO, MEU MARIDO JÁ ESTAVA EM CASA, TOCOU A CAMPANHIA ERA O ROGERIO, TRAZIA UMA CAIXA DE CERVEJA EM LATAS, ENQUANTO O JOGO NÃO COMEÇAVA MEU MARIDO PEDIUPARA EU FAZER ALGUNS PETISCOS PARA ELES COMEREM, DURANTE O JOGO, FEZ ALGUMAS BATATINHAS FRITAS E BOLINHOS DE CAMARÃO E FUI TOMAR UM BANHO, PARA ASSISTIR O JOGO COM ELES, COLOQUEI UM SHORTINHO CURTO, MINHA CAMISETA DO BRASIL, PEGUEI UMA LATINHA E FUI ASSISTIR Ao JOGO, COMO A CERVEJA ESTAVA MELHOR DO QUE O JOGO, MEU MARIDO JA TINHA TOMADO UMAS cinco LATINHAS E FOI AO BANHEIRO, FICOU O ROGERIO E EU NO SOFA, TIVE A IDEIA DE LEVANTAR E PEGAR O CONTROLE REMOTO NA MESINHA DE CENTRO, QUANDO ME CURVEI ELE PASSOU A MÃO NA MINHA BUNDA, OLHOU PARA ELE COM UMA CARA DE BRAVA E QUANDO IA FALAR ALGUMA COISA MEU MARIDO CHEGOU À SALA, DISFARCEI E FUI PARA COZINHA, QUANDO PERCEBI QUE ELE FOI AO BANHEIRO, DISFARCEI E FUI FALAR COM ELE, NEM DEU OPORTUNIDADE PARA MIM, ABRIU O ZIPER E PUXOU O PAU EXCLUSIVAMENTE PARA EU VER, ERA UM CACETE ENORME, BEM TORTO E CABEÇUDO, PERDI O FOLEGO, NÃO FELEI NADA, DISFARCEI E FUI PARA SALA, EM SEGUIDA ELE CHEGOU TAMBÉM, DISFARCEI E OLHEI O VOLUME AINDA DURO NA CALÇA, ACABOU O JOGO E A CERVEJA E MEUMARIDO JÁ DEIXOU COMBINADO O PROXIMO NA MINHA CASA. NA HORA DE IR EMBORA O SAFADO SE DESPEDIU COM UM SORRISO, BEM SACANA, DE QUE TERIA MAIS NA PROXIMA.

CHEGOU O DIA DO JOGO E JA TINHA DEIXADO TUDO PRONTO, FIZ ALGUNS SALGADINHOS, A CERVEJA DESTA VEZ FOI POR CONTA DO MEU MARIDO. MEIA HORA ANTES O ROGERIO JA TINHA CHEGADO COMPRIMENTOU MEU MARIDO E LANÇOU UM OLHAR SAFADO PARA MIM, QUE ESTAVA COM MINHA CAMISETA DO BRASIL E DESTA VEZ UMA SAIA TIPO CIGANA, ELE ME ENTREGOU UM LITRO DE UISQUE E ALGUMA CAIXINHA DE AGUA DE COCO, DEPOIS TINHA DESCOBERTO O PLANO DELE, EM DEIXAR MEU MARIDO BEBADO, E NÃO SERIA MUITO DIFICIL, ANTES DO JOGO ELE JA ESTAVA BEM ALEGRE, COMEÇA O JOGO E A CERVEJA ACABANDO. O ROGERIO PEDIUY PARA PEGAR O UISQUE COM AGUA DE COCO, SERVIU MEU MARIDO, QUE JÁ DEU UM GOLE GRANDE, E PASSOU O COPO PARA MIM, FINGI QUE BEBI E DEVOLVI O COPO PARA ELE.

NA PRIMEIRA IDA DELE AO BANHEIRO, O ROGERIO PASSOU A MÃO NO PAU POR CIMA DA CALÇA, COMO SE ESTIVESSE ME CHAMANDO PARA SENTAR NO COLO DELE, FINGIR QUE NÃO ERA COMIGO, LEVANTEI E FUI A DIREÇÃO A COZINHA, ELE ME PAROU COLOCOU AS DUAS MÃOS POR BAIXO DA MINHA SAIA E QUANDO PERCEBIMINHA CALCINHA ESTAVA NOS CALCANHARES, OUVI O BARULHO DA PRIVADA E DEIXEI EÇE TIRAR, ELE ESCONDEU NO BOLSO, SAIR CORRENDO PARA COZINHA, VOLTEI COM UM PRATO DE SALGADINHO E SEM CALCINHA, ROGERIO VIU O COPO DO MEU MARIDO VAZIO E ENCHEU NOVAMENTE, O LITRO JA ESTAVA QUASE SECO E MEU MARIDO JÁ DAVA SINAL DE BEBADO, PRINCIPALMENTE QUANDO LEVANTOU PARA IR NOVAMENTE AO BANHEIRO, QUASE NÃO LEVANTOU DO SOFÁ E JÁ FALAVA ENROLADO, QUANDO ELE ENTROU NO BANHEIRO E ESCUTAMOS A PORTA FECHAR, ROGERIO MAIS DO QUE RAPIDO COLOCOU O PAU PARA FORA E ME CHAMOU, FUI ATÉ ELE QUE ME VIROU, LEVANTOU MINHA SAIA E ME PUXOU PARA SENTAR NO COLO DELE, PEGUEI O PAU DELE E COLOQUEI NA ENTRADA DA MINHA BUCETA E SENTEI COLOCANDO TUDO PARA DENTRO, SENTIR MINHA BUCETA SENDO PREENCHIDA, POR DENTRO, FEZ MOVIMENTO DE SUBIR E DESCER SEM FAZER BARULHO, QUANDO ESCUTAMOS A PORTA ABRIR LEVANTEI CORRENDO E FUI PARA A COZINHA, ROGERIO ESCONDEU O PAU NA CALÇA E COLOCOU UMA ALMOFADA POR CIMA, OCORREU TUDO BEM, QUANDO O JOGO CHEGOU AO FIM MEU MARIDO COCHILAVA NO SOFA, COMBINAMOS QUE ELE FINGIRIA IR EMBORA, MEU MARIDO IRIA PARA O QUARTO DORMI E NÓS FICARIAMOS A VONTADE, ELE ACORDOU MEU MARIDO SE DESPEDIU E FOI ATÉ O PORTÃO, VOLTOU E FICOU ESCONDIDO, NA GARAGEM QUANDO MEUMARIDO RONCAVA E JÁ ESTAVA ESCURO, DESCI PARA ME ENCONTRAR COM ELE, CHEGUEI À GARAGEM ELE JA FOI ME AGARRANDO E BEIJANDO, EU SEGURAVA O PAU DELE, COM VONTADE FIQUEI DE JOELHOS E CHUPEI O PAU DO AMIGO DO MEU MARIDO, COLOCAMOS UMA LONA NO CHÃO, E FIQUEI DE QUATRO PARA ELE QUE ME MONTOU COMO UM CACHORRO SENTIA TODO O PESO DELE EM CIMA DE MIM E A BOLA DELE BATENDO NA MINHA BUNDA, SÓ PÁRA DEPOIS QUE ELE GOZOU E ME ENCHEU DE PORRA, DEMOS ALGUNS BEIJOS ENQUANTO DESCANSAVAMOS, RESOLVIR. DAR UMA OLHADA NO MEU MARIDO QUE RONCAVA COMO UM PORCO.

VOLTEI PARA A GARAGEM, ROGERIO ESTAVA DE PAU DURO A ME ESPERAR, ME COLOCOU NO CAPÔ DO CARRO DO MEU MARIDO, COM O ROSTO VIRADO PARA FRENTE, ENTENDI NA HORA O QUE ELE IRIA FAZER, FIQUEI COM MEDO NA HORA NUNCA TINHA DADO A BUNDA PARA UM CARA DOTADO ASSIM, MAIS JÁ ERA TARDE PARA VOLTAR ATRAS, JÁ ESTAVA COM A BUNDA TODA EMPINADA, SENTI O PAU DELE NA MINHA BUCETA E DEPOIS UMA TAPA NA BUNDA, MOLHOU O PAU NA MINHA BUCETA, PARA ENTRAR MAIS FACIL, O SENTI FORÇANDO A CABEÇA, MAIS NÃO ENTRAVA DERREPENTE ELE COSPE DUAS VEZES NO MEU CU E FORÇA NOVAMENTE SENTI A CABEÇA DO PAU DELE ENTRANDO, VIA ESTRELAS E QUANDO ELE EMPURROU O RESTANTE, QUASE DESMAIEI, FICOU COM MOVIMENTOS SUAVES ATÉ EU ME ACOSTUMAR E DEPOIS ACELEROU, NUNCA TINHA SENTIDO UM PRAZER TÃO GRANDE, FICOU ASSIM DURANTE UNS 10 MINUTOS E GOZOU, ME ARRUMEI, PEDI MINHA CALCINHA DE VOTA, MAIS ELE NÃO QUIS DEVOLVER, MAIS TUDO BEM VALEU A PENA, MEU MARIDO NUNCA DESCONFIOU , VIREI AMANTE DO ROGERIO.

08/01/09

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    22:07 — Arquivado em: sexo

O VELHO DA OFICINA

Pessoal meu nome é Ingrid tenho 18 anos, morena 1,70 de altura, 65 kilos, na época estava desempregada, sem dinheiro nenhum, para roupa e nem para sair com as amigas, estava ficando louca, chegando o final de ano, muitas festas e eu parada, meu namorado é um duro, só tem uma motinha, para transarmos é um sufoco ou em lugares escuros ou pulando o muro da minha casa a noite e entrando pela janela. Bem sempre que eu saio na rua os caras mexem comigo principalmente o Senhor, Juca, um cara feio, dono de uma oficina mecânica do lado da minha casa, gosto de provocar ele mais somente isto, até o dia que fui ao fundo do poço, meu tênis estava estragando, sem dinheiro para comprar outro, resolvi ariscar, estourou um cano na minha casa e minha mãe pediu para eu pedir uma chave emprestada, fui com um shortinho minúsculo e uma blusinha que deixava meus seios quase pulando para fora, cheguei lá tinha um cliente fazendo o pagamento de um serviço, fiquei olhando o dinheiro e o cara foi embora, pedi a chave, ele me deu, ai perguntei o que ele iria me dar de presente de natal, ele riu e me deu 50 reais, quando virei para ir embora ele passou a mão na minha bunda, dei uma risadinha safada e fui embora, mais tarde voltei para entregar a chave, chamei por ele que estava nos fundos trabalhando, fui até ele, estava de saia e ele embaixo de um carro , quando saiu, viu tudo por baixo da minha saia, entreguei a chave e fui saindo, ai pensei em ariscar mais, falei seu Juca, aquele dinheiro que o senhor me deu não deu para nada, ele correu e trancou a porta, voltou e me enconchou e perguntou quanto eu queria para chupar meus peitos, falei nossa seu Juca, não faço isto, ele falou te dou 100 reais para chupar um pouco, perguntei do dinheiro , ele me deu, puxei minha blusinha para baixo e ele começou a chupar, me ofereceu mais 50 reais para sentar no colo dele. Topei na hora, minha saia subiu, fiquei somente de calcinha, ele tirou o pau para fora e ficava tentando furar a calcinha, queria me comer de qualquer jeito, ai dei o golpe final no coroa, perguntei o Senhor Quer me comer quanto o senhor paga, ele olhou na carteira tinha 300 reais, falei que era muito pouco, me mandou esperar e voltou com mais, agora eu tenho 700 disse ele, ta bom, falei me dá o dinheiro ele me deu, baixei a calcinha e fiquei de quatro, no capô de um carro que estava na oficina, ele veio babando e me penetrou, tinha um pau maior e mais grosso que meu namorado, e gostoso também cheguei a gozar, o safado nem lembrou de camisinha, alguns minutos ele gozou dentro de mim, me fiz de brava e tomei mais 70 reais dele para comprar a pílula do dia seguinte, era tudo mentira, pois tome anticoncepcional, ele deu e fui embora, sabendo quando eu precisar de dinheiro, sei onde tem.

08/01/09

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    22:03 — Arquivado em: sexo

CASADA SUBMISSA

MEU NOME É MARINA, SOU CASADA, TENHO 34 ANOS, SEMPRE FUI DONA DE CASA, MEUMARIDO SEMPRE TRABALHOU E GANHOU BEM E NÃO DEIXAVA EU TRABALHA, ERA PARA EU FICAR EM CASA E CUIDAR DOS FILHOS, MAIS UM DIA O PEDADELO ACONTECEU MEU MARIDO FICOU DESEMPREGADO E A EMPRESA DEU O CALOTE NELE, NÃO PAGOU NADA, ELE ENTROU EM DEPRESSÃO, VIVIA CHORANDO E NÃO ARRUMAVA NADA A COISA FOI FICANDO FEIA, CONTAS CHEGANDO, TIVEMOS QUE VENDER O SEGUNDO CARRO DA FAMILIA, EO DINHEIRO FOI EMBORA, RESOLVIR TRABALHAR, ENTREGUEI VARIOS CURRICULUS E NADA DE ARRUMAR TRABALHO. ACHOQ EU PELA MINHA IDADE.

EM UMA MANHA QUE ENTREGAVA CURRICULOS ENCONTREI UMA ANTIGA AMIGA QUE TRABALHAVA COMO EMPREGADA DOMESTICA, NO MEIO DA CONVERSA ELE FALOU QUE SABIA DE UMA CASA QUE ESTAVA PRECISANDO DE ALGUEM PARA COZINHAR E FZER SERVIÇOS DOMESTICOS, PAGAVA BEM MAIS NINGUEM PARAVA NA CASA, DEVIDO AO DONO SER COMPLICADO, ERA UMA AMERICANO DE 58 ANOS, VIVIA SOZINHO, ELA PERGUNTOU SE EU QUERIA IR VER O EMPREGO, POIS ELA ME DAVA O ENDEREÇO, FALEI QUE NÃO CUSTAVA NADA, NÃO FALEI NADA PARA MEU MARIDO, PENSEI MUITO A NOITE ACORDEI CEDO E FUI À CASA DO AMERICANO.

CHEGUEI AO PORTÃO, TINHA UMA MOÇA PROCURANDO A VAGA TEMBÉM ENTRAMOS, ESPERAMOS ALGUNS MINUTOS, ELE APERECEU ERA UM HOMEM ALTO, OLHOS AZUIS, UMA FORTE PRESENÇA, COM UM SOTAQUE FORTE MAL CONSEGUIA ENTENDER, CHAMOU A MOÇA PRIMEIRO, DEMOROU UNS 20 MINUTOS, ME CHAMOU FEZ ALGUMAS PERGUNTAS, RESPONDI FALOU QUANTO ERA O SALARIO, A CARGA HORARIA E SE PRECISASSE FICAR ALGUM TEMPO A MAIS SE TERIA ALGUM PROBLEMA, FALEI QUE NÃO, PENSEI LOGO NO SALARIO QUE ERA MUITO BOM, FICOU DE ME LIGAR NO OUTRO DIA PARA ME DAR UMA RESPOSTA. NO OUTRO DIA A TARDE O TELEFONE TOCOU MEU AMRIDO ATENDEU, ME CHAMOU ERA O AMERICANO, PEDINDO PARA EU COMEÇAR NO OUTRO DIA, MEU MARIDO NÃO ENTENDEU NADA, EXPLIQUEI QUE ERA UM EMPREGO QUE COMEÇARIA NO OUTRO DIA, ELE FICOU CHATEADO, MAIS NÃO TINHA O QUE FAZER, ERA NECESSARIO NA ATUAL SITUAÇÃO. CHEGUEI MEIA HORA ANTES DO COMBINADO, ELE ME CHAMOU NA SALA E ME MOSTROU TODA A CASA QUE NÃO ERA PEQUENA, PERGUNTOU SE EU QUERIA MESMO O EMPREGO, FALEI QUE SIM, ENTÃO ELE ME FALOU QUE ALÉM DO SALARIO QUE JÁ ERA OTIMO, EU TERIA UMA AJUDA DE CUSTO NO TRANSPORTE E UM CONVENIO MEDICO E ALIMENTAÇÃO TUDO EM DINHEIRO, PERGUNTOU SE TERIA PROBLEMA DE SER ASSIM, NO TOTAL DE TUDO DOBRARIA MEU SALARIO, NOSSA ESTAVA DIFICIL DE ACREDITAR NA SORTE QUE EU ESTAVA TENDO, FOMO SPARA O ESCRITORIO, ELE PEDIU PARA MIM LER UM CONTRATO, ONDE CONSTAVA OS VALORES QUE ELE ME OFERECIA E ALGUMAS CLAUSULAS, PRINCIPALMENTE SOBRE A SEGURANÇA DA CASA, QUE TUDO O QUE ACONTECESSE NA CASA, FICARIA NA CASA, SE EU CONCORDASSE PODERIA ASSINAR E ASSINEI, ELE ME MOSTROU O QUARTO QUE SERIA O MEU, ME DEU UM UNIFORME E MANDOU EXPERIMENTAR, EXPERIMENTEI, SÓ QUE ESTAVA PEQUENA DEMAIS, A SAIA MAU COBRIA MINHAS COXAS, PARECIA PELO MENOS DOIS TAMANHO A MENOS DO QUE EU USO, E NA PARTE DE CIMA OO DECOTE ERA GRANDE , MAU COBRIA MEUS SEIOS, TIREI  E FALEI COM O AMERICANO, DISSE QUE O UNIFORME ESTAVA PEQUENO DEMAIS, NÃO COUBE DIREITO, AI QUE ELE ME OLHOU FIRME E DISSE QUE ERA ASSIM QUE ELE GOSTAVA, SE EU QUISESSE FICAR TERIA QUE USA- LO, PENSE BEM SE QUISER VOLTE  AMANHA  AS 07:30, VOLTEIARA CASA TRISTE E DECIDIDA A NÃO VOLTAR, MAS QUANDO CHEGUEI EM CASA E VI A SITUAÇÃO, AS CONTAS JOGADAS NA MESA DE CANTO, NÃO DORMI FIQUEI PENSANDO E RESOLVI ACEITAR, JÁ QUE NINGUEM ME VERIA TRABALHANDO, COM O UNIFORME ALÉM DO VELHO.

NO OUTRO DIA ESTAVA NA CASA DELE, JÁ VESTIDA NO UNIFORME, ME SENTIA PELADA, SE ME CURVAVA, MOSTRAVA A BUNDA, QUANDO UM DOS SEIOS NÃO ESCAPAVA PARA FORA DO DECOTE, NA HORA DO ALMOÇO ELE ACORDOU E JÁ ESTAVA PARA SAIR, OLHOU PARA MEUS PÉS E PERGUNTOU O NUMERO, FALEI E ELE SAIU A TARDE ELE VOLTOU COM UMPAR DE SALTO ALTO PARA EU USAR E VARIAS TANGUINHAS FIO DENTAL, QUE NÃO DAVA PARA LEVAR PARA CASA, E ASSIM PASSEI A PRIMEIRA SEMANA E TUDO ESTAVA INDO BEM, JÁ QUE ESTAVA TRABALHANDO QUASE PELADA E NINGUEM ME VIA E ELE NÃO TENTAVA ME COMER, SÓ ME OLHAVA, ACHO QUE ERA APENAS FANTASIAS DELE, MAIS ESTAVA ENGANADA DEPOIS DE DOIS MESES, ESTAVA LAVANDO LOUÇA, NEM VI CHEGANDO POR TRAS DE MIM, COMO NEM LIGAVA MAIS PARA A SAIA SUBINDO, ELE ME ENCOXOU, ESTAVA PELADO E O PAU DELE SE ENCAIXOU NO MEIO DAS MINHAS COXAS, DE INSTINTO TENTEI FECHAR AS PERNAS E SENTI COMO ERA GROSSA E DURA SEM FALAR DO TAMANHO, TENTEI FUGIR, MAIS NÃO CONSEGUIR, POIS ELE ERA MUITO FORTE, FIQUEI QUIETA PARA SABER ATÉ ONDE ELE IRIA.

ELE ME PERGUNTOU SE EU ESTAVA GOSTANDO DO EMPREGO, FALEI QUE SIM, PERGUNTOU SE TINHA CONTADO DA ROUPA PARA ALGUEM, FALEI QUE  NUNCA, FALOU MUITO BEM, VOU TE DAR UM AUMENTO DE SALARIO, AGARROU MEU PEITO, JOGANDO PARA FORA DO UNIFORME, PERGUNTANDO SE EU QUERIA, FALEI QUE SIM, ELE PERGUNTOU SE EU FALARIA PARA ALGUEM, FALEI QUE NÃO, PUXOU MINHA CALCINHA DE LADO E PASSOU O DEDO NA MINHA BUCETA, QUE NÃO ESCONDIA O QUANTO ESTAVA MOLHADA, SENTI ELE PUXANDO O PAU ENTRE MINHAS PERNAS E FORÇANDO NA ENTRADA DA MINHA BUCETA, PAROU NA ENTRADA E PERGUNTOU SE EU DEIXARIA, BALANCEI COM A CABEÇA QUE SIM, ELE FOI EMPURRANDO LENTAMENTE, PENSEI QUE NÃO TERMINARIA MAIS, ERA INCRIVEL O VIGOR DAQUELE COROA, DEVIDO A DEPRESSÃO DO MEU MARIDO, NÃO TRANSAVAMOS DIREITO E NÃO GOZAVA COM ELE, E SÓ DO COROA ME PENETRAR JÁ TINHA GOZADO, ELE ME BOMBANDO E PENETRANDO CADA VEZ MAIS FORTE, ESTAVA SENDO MULHER DAQUELE VELHO SEM RECLAMAR, ME FALOU BAIXINHO NO MEU OUVIDO, QUE  IRIA GOZAR DENTRO DE MIM, ME EMPINEI MAIS AINDA E SENTI ELE GOZANDO, SAIU DE TRAS DE MIM, TERMINEI DE LAVAR A LOUÇA, COMO UMA BOA EMPREGADA. NO FINAL DO DIA ELE MANDOU AVISAR MEU MARIDO QUE NO OUTRO DIA, EU TERIA QUE DORMIR NO EMPREGO E ERA PARA MIM  ARRUMAR UMA DESCULPA. FALEI APARA MEU MARIDOQUE CHEGARIA VISITAS DO E.U.A, PARA ELE E DEVIDO AO FUSO HORARIO, TERIA QUE FAZER O JANTAR E ARRUMAR A RECEPÇÃO UM POUCO MAIS TARDE E DORMIR NO SERVIÇO CONCORDOU PLENAMENTE, JÁ QUE NOSSA VIDA JÁ ESTAVA VOLTANDO A ENTRAR NO EIXO. CHEGUEI NA CASA PELA MANHÃ, COLOQUEI MEU UNIFORME E ESPEREI ELE ACORDAR.

QUANDO ELE ACORDOU, FOI TOMAR CAFÉ, ME CHAMOU E ME COLOCOU SENTADA NO COLO DELE, MANDOU EU COLOCAR OS SEIOS PARA FORA E TOMAR CAFÉ COM ELE, ACABAMOS O CAFÉ E ELE ME MANDOU TROCAR DE ROUPA, QUE VAMOS SAIR, PERGUNTEI PARA ONDE, ELE RESPONDEU É SEGREDO, SAIMOS , FOMOS PARA UMA RUA FAMOSA PELA LOJAS DE GRIFFI, ENTRAMOS CHAMOU UMA VENDEDORA  E MANDOU ESCOLHER UM VESTIDO PARA MIM, EXPERIMENTEI VARIOS, ATÉ ELE GOSTAR DE UM PRETO, QUE FICOU COLADO NO MEU CORPO, ENTRAMOS NUM CARRO E PARAMOS NA PROXIMA LOJA QUE ERA DE SAPATOS, ESCOLHEU UM SALTO AGULHA, LINDO PARA COMBINAR COM O VESTIDO, PENSEI QUE AS SURPRESAS TINHA ACABADO, PARAMOS EM UMA CLINICA DE ESTETICA E ANTES DE SAIR DO CARRO, ELE ME MANDOU PEDIR SERVIÇO COMPLETO, FIQUEI 5 HORAS, ENTRE MANICURE E CABELELEIRO E DEPILAÇÃO  A CERA, FIQUEI LISINHA, FOMO SPARA CASA DELE ONDE, ONDE TOMOU UM BANHO COMIGO NA BANHEIRA DELE, COLOQUEI O VESTIDO O SALTO E SAIRMOS PARA JANTAR EM UM RESTAURANTE LUXUOSO, QUE MEU MARIDO NEM IMAGINAVA QUE EXISTISSE.

QUANDO ERA  MAIS OU MENOS 23:30 DA NOITE PEDIU A CONTA E SAIRMOS, ENTRAMOS NO CARRO E PENSANDO QUE IRIA EMBORA, ME PEDIU PARA MIM LIGAR PARA MEU MARIDO E DAR BOA NOITE PARA ELE E PARA AS CRIANÇAS, FIZ OQ EU ELE MANDOU E FALOU QUE AGORA IRIA COMEÇAR UMA SURPRESA, RODAMOS UM 30 MINUTOS E PARAMOS ENFRENTE A UMA CASA ELEGANMTE COM SEGURANÇA NA PORTA, PERGUNTEI O QUE ERA AQUILO , ELE FALOU QUE ERA UMA CASA DE SWING, E EU ESTARIA ALI COMO ESPOSA DELE.

FALEI QUE NÃO ENTRARIA LÁ, ELE PEGOU FIRME NO MEU BRAÇO E PERGUNTOU, SE AINDA EU NÃO TINHA ENTENDIDO, QUE EU TINHA VIRADO PUTA DELE, FIQUEI SEM GRAÇA, ELE ME PUXOU PELO BRAÇO E ENTRAMOS NA CASA.A PRIMEIRA VISTA ERA UM LUGAR FINO, COM MUITOS CASAIS E MULHERES BONITAS, UMA LOIRA LINDA VEIO NOS RECEPCIONAR E CONDUZIU ATÉ UMA MESA ONDE TROUXERAM BEBIDAS PARA NÓS.

APÓS ALGUNS MINUTOS, ELE CHAMOU UMA GARÇONETE E PEDIU PARA ELA ME LEVAR AO CORREDOR, NÃO TINHA ENTEDIDO NADA, CHEGAMOS EM FRENTE A UMA ORTA E A MOÇA ABRIU E PEDIU PARA MIM ENTRAR, ESTAVA MEIO ESCURO E QUANDO ENTREI ASCENDERAM ALGUMAS LUZES E PUDE PERCEBER QUE NA PAREDE EXISTIA BURACOS E NESTES BURACOS EXISTIAM CACETES DE TODOS OS TAMANHOS E CORES, ERA UM PARAISO, E EM CADA BURACO TINHA UMA NUMERAÇÃO, PASSEI PELO CORREDOR OLHANDO E AS VEZES SEGURANDO PARA SABER SE ERAM REAIS, FOI QUANDO VI UM CARALHO ENORME, TIPO AQUELE DO KID BENGALA, SEGUREI ALGUNS MINUTOS PARA SABER SE NÃO ERA FALSO, INCRIVEL QUE LOUCURA, TERMINEI O CORREDOR E SAIR POR OUTRA PORTA E VOLTEI PARA MESA. ELE ME OLHOU E PERGUNTOU QUE NUMERO EU TINGHA ESCOLHIDO, NA HORA NÃO TINHA ENTENDIDO,E ELE FALOU PARA MIM LARGAR DE SER SINICA E FALAR LOGO, FALEI O NUMERO 4 ERA O COLOSSO, O PAU MAIOR QUE JÁ TINHA VISTO E PEGADO NA MINHA VIDA.ELE CHAMOU A GARÇONETE NOVAMENTE E FALOUQ EU  JÁ TINHA ESCOLHIDO, A MOÇA MARCOU NO PAPEL E ME DEU UMA CHAVE E ME LEVOU PARA UM QUARTO, DEMOROU UNS MINUTOS E BATERAM NA PORTA, VOU ATENDER, ERA UM RAPAZ NEGRO COM CERCA DE 23 ANOS BONITO E MUSCULOSO, AGRADECENDO POR EU TER O ESCOLHIDO, ERA O DONO DO CACETÃO, ME ABRAÇOU PELA CINTURA, ME DEU UM BEIJO DEMORADO, ME PEGOU NOS BRAÇOS E ME LEVOU PARA CAMA, ELE ERA MUITO CARINHOSO,TIROU MINHAS SANDALIAS COM DELICADEZA E DEPOIS FOI ME DESPINDO, FIQUEI APENAS DE FIO DENTAL E ELE DE SUNGA NO MEIO DAS MINHAS COXAS ME CHUPAVA OS PEITOS COM VONTADE E IA DESCENDO ATÉ MEU UMBIGO PASSANDO A LINGUA, CHEGOU NA MINHA CALCINHA E FOI PUXANDO ATÉ ME DEIXAR PELADA, CHUPAVA COMO UM ESTRE, NÃO RESISTIR E GOZEI NA BOCA DELE, SE COLOCOU DE PÉ E ABAIXOU A SUNGA, O CACETE DELE PULOU COMO UMA COBRA PARA FRENTE, SEGUREI E SENTI FICAR DURO NA MINHA MÃO, MAU DAVA PARA FECHAR, NÃO ME FIZ DE ROGADA  E CAIR DE BOCA, CHUPAVA QUE ME ENGASGAVA. E  AQUILO CADA VEZ MAIS DURO, COLOQUEI ELE DEITADO NA CAMA, ELE ME DEU UMA CAMISINHA, QUE COLOQUEI COM MUITO AMOR NO PAU DELE BABADO PELA MINHA BOCA  E FUI ME ENCAIXANDO POR CIMA DELE E DESCENDO, IA ESCONDENDO O PAU DELE INTEIRO, SENTIA ELE BATENDO NO MEU UTERO, SUBIA E DESCIA COM O MESMO CARINHO QUE ELE ME DEU, JÁ TINHA GOZADO DUAS VEZES, E JÁ ESTAVA DESCONTROLADA SUBINDO E DESCENDO CADA VEZ MAIS RAPIDO, ELE FALOU QUE JÁ ESTAVA PARA GOZAR, SAIR DE CIMA DELE TIREI A CAMISINHA E TERMINEI PARA ELE, NA MÃO, GOZOU NA MINHA CARA E NOS MEUS PEITOS, NÃO CONSEGUIR SOLTAR AQUELE PAU, MAIS O TEMPO TINHA ACABADO, SAIR DO QUARTO E ENCONTREI O AMERICANO DO LADO DE FORA, ESTAVA ASSISTINDO TUDO POR UM VIDRO, VOLTAMOS PARA A MESA. ELE PERGUNTOU SE EU TINHA GOSTADO, FALEI QUE SIM, PASSOU ALGUNS MINUTOS ELE PEDIU A CONTA E FOMOS EMBORA E FOMOS EMBORA, DORMI NO QUARTO DELE, TREPAMOS A MADRUGADA INTEIRA, SAIR CEDO E TIREI O DIA DE FOLGA, VIREI SUBMISSA DELE EMUDEI MINHA VIDA POR COMPLETO ATE O PROXIMO CONTO AMIGOS.

09/01/09

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    22:02 — Arquivado em: sexo

CASADA SUBMISSA II

 Olho eu de novo aqui, para quem leu meu primeiro conto, já sabem quem eu sou apos terem virado submissa de um coroa americano, minha vida sexual se modificou, eu era mulher recatada e santinha, para meu marido, e puta para meu patrão, semana passada ele me obrigou a pintar o meu cabelo de loiro, quando meu marido o viu não gostou muito,mais quem tava mandando no momento era o meu novo dono o americano, e não iria contrariá-lo, mesmo meu marido não gostando, no dia que pintei o cabelo o americano me levou em um salão de beleza, me deu uma foto de uma loira bonita, de olhos azuis, e cabelos bem alisados e compridos e mandou-me deixar igualzinho da foto, me deixou um cheque e saiu, duas horas depois sair com cabelos iguais o da foto, liguei para ele e ele veio me buscar, entrei no carro e paramos em uma ótica e pediu para a vendedora, me deixar com os olhos mais azuis possíveis, e me dessem todas as dicas de como usar, quando coloquei e me olhei no espelho, eu era outra pessoa, estava incrivelmente linda e diferente, paramos em uma loja de jeans e mandou-me comprar uma minissaia curta, uma blusinha e uma jaqueta tudo jeans, comprou e ele me mandou trocar lá mesmo, as meninas, na loja não entendia nada, fiquei bem puta, com aquela minissaia e salto sempre alta e agora loira de olhos azuis, me mandou dar uma volta em um shopping lotado, todos os caras me olhava com olhos de tarado, volte para onde ele estava, me deu algum dinheiro, e mandou-me tirar a calcinha e rebolar mais, entrar em uma loja e mostrar para alguém que estava sem calcinha, nem pensei duas vezes e obedecia meu dono,entrei na loja, chamei um rapaz para me atender e quando experimentava uma sandália, abrir as pernas e ele viu, que estava sem calcinha, voltamos para casa, guardei minha roupa no meu quarto e tirei as lentes e fui para casa , quando meu marido viu o meu cabelo, não gostou criticou, ficamos alguns dias sem nos falar,mais depois se conformou, nunca soube das lentes, e cada vez mais estou Gostando de como o americano me trata.

11/01/09

ENVIE SEU CONTO PARA : jc76santos@terra.com.br / ajcsgata@hotmail.com

criado por jc76santos    21:53 — Arquivado em: sexo
Posts mais antigos »
Report abuse Close
Am I a spambot? yes definately
http://contoscontoseroticos.blog.terra.com.br
 
 
 
Thank you Close

Sua denúncia foi enviada.

Em breve estaremos processando seu chamado para tomar as providências necessárias. Esperamos que continue aproveitando o servio e siga participando do Terra Blog.